9 edifícios Patrimônio da UNESCO em Barcelona

Barcelona tem 9 edifícios Patrimônio Mundial da UNESCO, sendo que 7 deles foram feitos por Antonio Gaudí. Viver em uma cidade com tantos patrimônios da Unesco é um privilégio, pois nem toda construção recebem tal título, por mais linda que seja.

O Park Güell, o Palau Güell e a Casa Milá (La Pedrera), todos obras de Gaudí, foram os primeiros edifícios da Espanha a serem declarados Patrimônio UNESCO, no ano de 1984. O motivo? Valor universal excepcional. Esta declaração inseriu Barcelona no cenário mundial da arte e da cultura, pois o talento de Antonio Gaudí foi reconhecido como um bem cultural mundial.

Os critérios utilizados pela UNESCO para elegir as 3 obras foram:

Critério I: reconhecer que são obras maestras de um gênio humano

Critério II: são extremamente raras e singulares

Critério IV: são exemplos de um grande período da cultura catalã, Modernismo, do final do século XIX e início do XX.

O Modernismo é um estilo arquitetônico e artístico que chegou na Catalunha no final do século XIX vindo de Paris. Na França o estilo era conhecido como Art Nouveau e na Catalunha logo foi adotado pelos industriais com o objetivo de ostentar a sua riqueza. Por outro lado, este estilo também teve conotações políticas, pois neste período a Catalunha era muito mais rica que Madrid mas com menos poder político.

O Park Güell e o Palau Güell foram construções encomendas por Eusébio Güell a Antonio Gaudí. O primeiro foi construído para ser um condomínio de luxo, uma espécie de cidade jardim, no alto da montanha de Barcelona. O empreedimento não foi para frente por dois motivos: as parcelas de terra não foram vendidas e por causa da I Guerra Mundial. Com a Morte do Sr. Güell, o lugar passou para as mãos da prefeitura que fez um parque. O Palau Güell foi construído para ser a moradia dos recém-casados Eusébio Güell e Isabel López e López. O casal morou no palácio, com os 10 filhos, até se mudar para o Park Güell. O palau Güell é pouco conhecido dos turistas, mas é de uma beleza espetacular.

palau_guell_entrada

Entrada Palau Güell

A Casa Milá foi construída por Gaudí entre 1906 e 1912 para ser a residência do casal Milá. Os donos moravam no primeiro andar enquanto os outros eram destinados ao aluguel. A “casa” causou espanto entre os habitantes de Barcelona que passaram a chamá-la de La Pedrera – Pedreira em português. Dá para perceber que nem todo mundo teve percepção para ver o que a UNSCO reconheceria como obra singular e maestra.

Em 2005 mais quatro obras do Gaudí foram incluídas na lista de Patrimonios Mundiais da UNESCO. Desta vez foram: Casa Vicens, Casa Batlló, Sagrada Familia e a Cripta de la Colonia Güell. O lado da Navidad, da Sagrada Família, é quem está na lista, pois parte dela foi construída quando Gaudí estava vivo. Já o lado da Paixão foi construído a partir de 1950, segundo um desenho deixado pelo arquiteto.

sagrada_Familia_noturna

A Casa Vicens foi a primeira casa civil construída pelo jovem arquiteto Gaudí, 1883-1888. O fabricante de cerâmicas e tijolos, Manuel Vicens contratou Gaudí para construir uma casa de verão em Gràcia. A casa parece saída de um conto das Mil e Umas Noites, já que Gaudí usou cerâmicas coloridas e tijolos para decorar a fachada. A casa está sendo reformada e, talvez, abra ao público este ano.

casa_vicens

Casa Vicens

A Cripta da Colônia Güell é um lugar super desconhecido dos turistas brasileiros. Ela está em Santa Coloma de Cervelló a 18 km de Barcelona. O lugar era uma antiga colônia de operários construída por Eusébio Güell junto a sua fábrica de tecidos. Estas colônias serviam de moradia para os operários, mas também como forma de controle já que os trabalhadores ficam sob o controle dos capangas dos donos do fábrica. Gaudí foi chamado para construir a igreja da colôncia. As obras começaram pela cripta, em 1898, e pararam em 1917, um ano antes da morte de Güell. A cripta está construída com pedras, vidrais coloridos e apresenta duas inovações arquitetônicas de Gaudí: arco parabólico e o pilar inclinado.

Cripta da Colônia Güell

Cripta da Colônia Güell

Em 1997, a UNESCO decidiu que outras duas obras, representantes do modernismo catalão, fariam parte da sua lista. São elas o Palau de la Música Catalana e o Recinto Modernista do Hospital Sant Pau. Estas duas construções são obras do arquiteto Domènec i Montaner, um grande arquiteto amante da natureza e das flores. Para mim, a UNESCO não poderia estar mais certa ao incluir estas duas obras em sua lista pois são construções inigualáveis, de extrema beleza e jamais vistas em todo o mundo. Para você ter uma ideia o Hospital Sant Pau é o maior complexo modernista do mundo.

palau_musica_catalana

O Palau de la Música é um auditório construído entre 1905 e 1908 para ser a sede do coral Orfeônico da Catalunha. O lugar é decorado com cerâmicas, mosaicos, ferro forjado e cristais materiais muito utilizados durante o modernismo. O hospital Sant Pau foi construído entre 1902 e 1930, sendo que a obra foi terminada pelo filho de Domènec i Montaner, também arquiteto. Este recinto foi o primeiro grande hospital da cidade, construído para ser um hospital jardim incorporando as grandes tecnologias arquitetônicas e medicas do momento.

Dá orgulho viver em uma cidade onde este patrimônio está a vista de todos e super bem cuidado.

Para mais informações:

Park Güell

Palau Güell

Casa Milà

Casa Batlló

Sagrada Família

Recinto Modernista Sant Pau

 

organizandoviagem

Encontre um hotel no Booking.com

Contrate uma visita guiada comigo: Guia de turismo em Português

Compre o guia de viagens: Roteiros Básicos de Barcelona

Compre os ingressos antecipados no Ticketbar e pule a fila: Ticketbar

Comments
  1. 3 anos ago
    • 3 anos ago

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Uso de cookies

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.plugin cookies

ACEPTAR
Aviso de cookies